Os 5 formatos mais comuns do marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo (ou “Content Marketing”) é uma das vertentes do Marketing Digital que mais cresce e desperta interesse das pessoas nos últimos anos.

O seu objetivo está relacionado com a arte de preparar conteúdos valiosos onde você possa distribuí-los de forma gratuita com o intuito de atrair novos possíveis clientes e/ou fidelizar os clientes atuais, fazendo com que eles comprem novos produtos/serviços de você ou da sua empresa.

A mudança do comportamento dos consumidores foi uma das principais razões para o surgimento do Marketing de Conteúdo. Eles deixaram de ser meros receptores passivos de informação e não estão mais dispostos a permitir ser tão influenciados.

Embora não seja algo novo, foram nos últimos 3 anos que o marketing de conteúdo cresceu de forma exponencial. O uso de alguns formatos de conteúdos começou a fazer parte da agenda de diferentes segmentos empresariais. conforme a seguir:

Post: É o primeiro tipo de conteúdo que você precisa desenvolver, independente da sua estratégia de conteúdo, porque se trata da base, e além disso, é a forma mais fácil de começar. O mais recomendável é criar posts entre 1000 e 2000 palavras que abordem temas de interesse para o seu público e que tenha um certo nível de profundidade.

eBook: É o conjunto de conteúdos mais completos, em comparação a um post. Ele precisa ser interessante, prático e útil para educar o leitor, além de gerar interesse sobre o seu trabalho e assunto. A melhor estratégia para captar e-mails das pessoas com interesse em fazer o download é criar uma landing page para cada material. O seu objetivo nessa fase é que o leitor troque o email dela pelo eBook. Entenda que essa troca será feita com visitantes que busquem soluções para os seus problemas, ou seja: eles esperam que você possa ajudá-los.

Dica: Um eBook pode ser um conjunto de posts. Se você seguir um calendários editorial de forma correta, cerca de 5 ou 6 posts terá material suficiente para um ebook. Você precisa apenas dar um formato e criar uma landing page para comçar a a sua lista de assinaturas.

Newsletter: O email marketing é uma incognita, alguns duvidam da sua importância, mas na prática, notamos que ele está longe de ser uma má ferramenta de comunicação, pelo contrário, ela tem se demonstrado uma das formas de marketing online mais efetiva para o processo de compra dos potenciis clientes e cuidar dos existentes.

Infográfico: É uma das ferramenta de marketing digital mais utilizadas atualmente. Um bom infográfico reúne as melhores características que um conteúdo pode reunir, afinal ele é fácil de compartilhar, é visual e transmite de forma simples as informações. Além disso é uma boa maneira de gerar acessos para o seu blog ou site.

Apresentações: É outra forma de criar conteúdo, que em muitas ocasiões, pode ser o seu grande aliado na disseminação de informação. Você pode usar o SlideShare para tornar o seu conteúdo mais acessível também.

Essas são algumas sugestões para você refletir e criar (ou aprimorar) a sua estratégia de Marketing Content.

Resumindo, relações pautadas em confiança tendem a ser muito mais sólidas e duradouras e, dessa forma, os resultados são muito mais expressivos.

Para não restarem dúvidas sobre a importância de adotar um plano de marketing baseado em conteúdo, baixe o ebook com 65 estatísticas que certamente vão chamar a sua atenção que o Viver de Blog disponibiliza clicando AQUI

Texto de autoria de Priscila Stuani e publicado inicialmente em administradores

65 estatísticas de Marketing de conteúdo

Author Description

dukountra

Nenhum comentário ainda.

Join the Conversation